terça-feira, 26 de maio de 2015

Star Wars Episódio III - A Vingança dos Sith: 10 anos


          Com a grande expectativa em torno de Star Wars, O Despertar da Força com direção de J.J Abrams (Lost e o novo Star Trek), que estreia em Dezembro deste ano, agora a tendência é desprezar a trilogia prólogo iniciada em 1999 com Star Wars Episódio I - A Ameaça Fantasma. É verdade que mesmo na época os filmes não agradaram a muitos dos fãs, embora tenham atraído um público mais jovem que não viu os filmes originais nos cinemas. Mais o fato é que este ano Star Wars Episódio III - A Vingança dos Sith está completando 10 anos. O filme chegou aos cinemas em 19 de Maio de 2005. 


   

      Esta última parte da trilogia prólogo mostra Anakin Skywalker sucumbindo de vez ao lado negro da Força e se tornando Dath Vader. O tom é bem diferente do primeiro filme - segundo George Lucas, sua intenção desde o início era começar com algo mais leve e a saga vai se tornando  cada vez mais sombria. Realmente é o melhor dos três filmes com todo destaque merecido para Ian McDiarmid que brilhou como Palpatine/Dath Sidous - esse sim o verdadeiro vilão de toda a saga. 



Ian McDiarmid brilhou como Palpatine/Darh Sidious

      
       A Vingança dos Sith tem boas sequencias de ação que incluem a memorável luta entre Obi-Wan e Anakin (os atores treinaram dois meses para realizar a sequencia de luta com o sabre de luz). Um dado curioso foi ver nos cinemas o público feminino torcendo até o fim para que o Anakin se regenerasse e terminasse a história com Padmé e criando seus filhos. Apesar de não ser um filme perfeito como muitos fãs gostariam agradou bem e teve o mérito de manter viva a mitologia de Star Wars para as próximas gerações. 

A razão de existir o filme: Darth Vader e sua jornada rumo ao dark side
Direção: George Lucas. Com: Ewan McGregor, Hayden Christensen, Ian McDiarmid, Natalie Portman, Samuel L. Jackson, Jimmy Smits, Anthony Daniels, Christopher Lee, Keisha Castle-Hughes, Temuera Morrison, Kenny Baker, Peter Mayhew e as vozes de Frank Oz e James Earl Jones.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mundo Maia no facebook