terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Tatiana Aquim: Uma Odisseia na Espanha

          Esta é Tatiana Aquim, jornalista formada pela FACHA (Faculdades Integradas Hélio Alonso). Esta moradora da Cidade de Deus está fazendo uma linda experiência de estudos na Espanha, Master em Governança e Direitos Humanos. O Mundo Maia abre espaço para ela falar sobre o seu aprendizado em uma outra cultura.

             Minha experiência na Espanha foi enriquecedora. Me fez desmistificar a imagem do espanhol que muitas vezes aqui no Brasil é tido como preconceituoso e fechado. 
Ao chegar em Madri, uma senhora espanhola me alugou um quarto no apartamento dela e para minha surpresa me tratava como se eu fosse sua neta. Eu acordava pela manhã e ela já estava fritando churros pra mim. Se preocupava se eu comia frutas, tomava leite ou chegava tarde. Coisas de avó.   
comecei a trabalhar em um lugar com 90% de espanhóis de várias partes do país e daí pude constatar de uma vez por todas que espanhol preconceituoso é puro mito. Fui muito respeitada e querida pela equipe de trabalho e amigos pessoais que fiz ao longo de um ano.


Segóvia
Outra coisa que pude desmistificar é personalidade do espanhol, tido como tímido aqui no Brasil. O espanhol é bem aberto a fazer amizades, independente de nacionalidades e classe social.  O espanhol ama aprender sobre culturas e hábitos diferentes e por isso adora conversar com estrangeiros. Um dia sentei-me para contemplar o mar em Cádis, Andaluzia e durante esta tarde três espanholas sentaram-se ao meu lado e as três  literalmente as três conversaram comigo. Iniciavam a conversa sempre falando do cotidiano e logo começavam a me fazer perguntas.   Me deram conselhos como se fossemos amigas e compartilharam comigo experiências de vida, contando-me fracassos e êxitos e pra minha surpresa me pediram opinião.
No fim desse dia, parei e pensei: Isso tudo é Espanha, olé!
Cádis



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mundo Maia no facebook